Mil-Folhas: História Ilustrada do Doce


Nos quatro cantos do mundo, a gastronomia influenciou, e ainda influencia diversas culturas. Mil-folhas é um passeio geográfico, artístico e literário pela história do doce.

Com as navegações – motivadas pela procura do açúcar, uma das mais cobiçadas especiarias – desenvolveu-se uma verdadeira política econômica também no continente americano, pela exploração das ilhas açucareiras do Caribe e da costa brasileira. Mas o intercâmbio não era só comercial. Neste vaivém do mar, o pão-de-ló produzido no Brasil, mas de origem portuguesa, foi parar no Japão. O livro também traça o caminho do xicletl consumido pelos maias e astecas ao chiclete da Adam’s, do al-fahua dos árabes ao tradicional alfajor argentino; lembra a invasão dos turcos no império otomano, sua derrota e a criação do croissant para comemorar a vitória; explica como os doces foram parar nos tabuleiros de rua no Brasil; passeia pela Idade Média, com suas docerias de conventos e os mata-frades e barrigas-de-freira; narra o famoso banquete no Castelo de Chantilly e a criação do famoso creme; entre outras histórias que contêm as “mil folhas” do livro.

A iconografia da obra foi baseada em cartazes de época, além de imagens informativas que demonstram como a apreciação e preparo dos doces são elementos do comportamento cultural. Mais que apenas ilustrar o texto, o projeto gráfico do livro é uma narrativa à parte, que complementa e enriquece o conteúdo. Um livro delicioso de ser lido.

Autor: Lucrecia Zappi

Ano: 2010

Páginas: 96

Editora: Cosac & Naify

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: