Jardim Romano, o reflexo das águas e da passividade pública

 

Ruas empoeiradas, que com uma fraca chuva ficam enlameadas, asfaltos destruídos pelo peso dos caminhões e tratores e vias interditadas. Assim está, hoje, o Jardim Romano, bairro da Zona Leste de São Paulo que há quase um ano ficou submerso pelas enchentes. Apesar do descontentamento de alguns, todo esse caos é reflexo das obras que estão sendo realizadas na região. O chamado piscinão do Jardim Romano está quase finalizado. O reservatório acabará com os impactos causados pela chuva – ou minimizará, pois só se pode afirmar após o período das chuvas, que estar à chegar. Mesmo observando o avanço das obras e a modernização do bairro, fica uma incerteza: será que ao término das obras, os sinais deixados por elas como as ruas destruídas e a poeira que impregna os calçados dos moradores serão reparados? É aguardar para ver. Porém, uma outra incógnita permanece, não apenas aos moradores da região, mas, também, a todos os brasileiros: até quando nosso governo será reativo e somente agirá em casos emergenciais, como esse? A dúvida permanece…

Anúncios

1 Comentário »

  1. Vlamir Said:

    Cara, vamos ver no final de toda essa obra, tah certo que é pra melhoria do nosso bairro.
    Mas oq sera das ruas destruidas, aqui na Central esta passando um abaixo assinado pra empresa responsavel lavar a rua com esfregão e tudo mais, ate o fim das obras.


{ RSS feed for comments on this post} · { TrackBack URI }

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: