Archive for julho 14, 2010

Uma causa nobre: Fundação Pró-Sangue promove campanha Rock no Sangue

Morguefile

A Fundação Pró-Sangue promove este mês a campanha Rock no Sangue, um evento musical e social criado para salvar vidas e comemorar o Dia Mundial do Rock (13 de junho). O objetivo da iniciativa é difundir entre os jovens a necessidade da doação de sangue, principalmente nesta época do ano quando os estoques de sangue diminuem muito devido à queda das temperaturas.

Essa é a sexta edição da campanha, onde os roqueiros de plantão podem fazer seu show de solidariedade por meio da doação de sangue. A ação acontecerá até o final deste mês e tem participação de músicos e artistas consagrados.

Já participaram da campanha Rock no Sangue as bandas Angra, Korzus, Viper, Torture Squad, Mad Dragzter, MindFlow, King Bird, Carro Bomba, Baranga, Santarem, Eterna, Seventh Seal, Woslom, Big Bang, Thalion e CPM 22.

A Fundação Pró-Sangue, instituição pública vinculada à Secretaria da Saúde, coleta mensalmente 12.000 bolsas de sangue e é responsável pelo abastecimento de 130 hospitais da Região Metropolitana de São Paulo. O posto Clínicas atende todos os dias da semana, inclusive sábados, domingos e feriados – está localizado a 200 metros da estação Clínicas do Metrô. O horário de atendimento de segunda a sexta é das 7 às 19 horas e aos sábados, domingos e feriados, das 8 às 18 horas. O estacionamento, gratuito aos doadores, é o subterrâneo – Garagem Clínicas, na Avenida Dr. Enéas Carvalho de Aguiar.

Para doar sangue, basta estar em boas condições de saúde, vir alimentado, ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos e trazer documento de identidade original com foto. Os doadores devem evitar alimentos gordurosos por quatro horas antes de doar e bebidas alcoolicas 12 horas antes.

Quem já recebeu a vacina contra gripe A H1N1 pode fazer sua doação de sangue 48 horas após a imunização. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriado não deve doar temporariamente. Mesmo que tenha se recuperado, deve aguardar uma semana para que esteja novamente apto à doação.

Para outras informações ligue para o Alô Pró-Sangue 0800-55-0300, acesse o site http://www.prosangue.sp.gov.br ou siga no twitter: @pro_sangue.

Da Fundação Pró-Sangue

Anúncios

Sustentabilidade: um conceito sistêmico

O termo é recente, mas já está em pauta em todos os fóruns e encontros entre os líderes mundiais. Com o aumento dos desatres naturais, inclusive em áreas antes consideradas “seguras” por especialistas, a preocupação em cuidar da Terra também cresceu. Porém, muitos possuem uma visão equivocada sobre o tema. Acreditam que sustentabilidade trata-se de ações ligadas apenas à questões ambientais. O que não é verdade!

O Relatório Brundtland, elaborado em 1987, traz a definição mais aceitável sobre o que é sustentabilidade. Segundo o documento, para um empreendimento ser sustentável ele precisa “satisfazer as necessidades presentes, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de suprir suas próprias necessidades”. Ou seja, devemos preservar hoje, pensando no amanhã. Para uma ação humana ser sustentável ela precisa atender quatro requisitos básicos: ser ecologicamente correta, viável do ponto de vista econômico, socialmente justa e aceita pela cultura onde será implantada. A sustentabilidade não se restringe somente à ações de nível mundial, pelo contrário, deve começar em nossa casa, vizinhaça e empresa.

Plantar não é apenas um termo agrícola. Também deve ser usado no nosso dia a dia, nas nossas atitudes. Cuidar do planeta é muito mais do que não jogar lixo no chão, plantar uma árvore ou comer alimentos orgânicos. Ser sustentável é, acima de tudo, ter consciência e pensar que devemos “plantar” hoje, pensando no que nossos filhos colherão amanhã.