O Diário de Anne Frank ganha uma versão em quadrinhos

Durante a 2º Guerra Mundial, a menina judia Anne Frank viveu escondida, junto com a irmã, pais e mais quatro amigos da família, em um sótão em Amsterdã, na Holanda. O esconderijo foi encontrado pelos nazistas, que levaram todos para um campo de concentração, na Alemanha. O pai de Anne, Otto Frank, foi o único sobrevivente. Em 1947, dois anos após a morte de Anne por tifo, Otto publicou o diário em que a garota escrevia sua história.

Agora, o livro ganha uma versão em quadrinhos, publicada pelo Museu Casa de Anne Frank, que funciona no prédio onde ela morou durante 25 meses. Por enquanto, há apenas a versão em holandês e inglês, mas o a história em HQ deve ser traduzida para o alemão, italiano, francês e espanhol. Esperamos que logo venha a versão em português!

Imagens: Reprodução

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: