Cemitério também é cultura

 

Arte cemiterial: Mausoléu da família Matarazzo. Foto: Heudes Régis

Arte cemiterial: Mausoléu da família Matarazzo. Foto: Heudes Régis

Você já pensou em apreciar obras de artes dentro de um cemitério? Não? Acredite, se quiser, em São Paulo isso é possível.
Cemitérios da cidade acolhem esculturas de artistas como Bruno Giorgi, Rodolfo Bernadelli, Victor Brecheret e Amadeu Zani.
O cemitério da Consolação, por exemplo, abriga obras de diversos artistas famosos. Lá podemos encontrar o mausoléu mais caro e gradioso da América Latina, o da família Matarazzo. O sepulcro é formado por uma capela com cinco conjuntos de esculturas de bronze interligados, além dos guardiões de mármore em tamanho humano real, que ladeiam o brasão.
Se você quiser se aventurar nessa assustadora e maravilhosa experiência, entre pelos portões dos cemitérios e conheça estas grandiosas obras, mas pode ir acompanhado de monitores, que também contam a história de personagens famosos, nesses principais endereços:

  • Cemitério da Consolação.
    Rua da Consolação, 1660. Tel. (11) 3256-5919. 7h/18h.

  • Cemitério do Araçá.
    Av. Dr. Arnaldo,666. Tel. (11) 3256-6486. 7h/18h.

  • Cemitério São Paulo.
    Rua Cardeal arcoverde, 1250. Tel. (11) 3032-5686. 7h/18h.

(Fonte: Guia Bravo)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: